Atividades

Seminário de Leitura de Freud

Neste ano de 2021, o Aleph – Escola de Psicanálise se reunirá em torno da leitura do seminário de Lacan, Livro 18, “De um discurso que não seria do semblante”.

A proposta é inédita. Ela não parte de um tema, mas, sim, privilegia a leitura desse seminário para que, a partir dela, sejam pinçados temas relevantes para a Psicanálise. Isso pede necessariamente um leitor; e um leitor que, acompanhando os desdobramentos do texto, possa colocar “algo de si”.

Ao longo do Livro 18, são enunciadas inúmeras referências a Freud. O leitor pode se deixar fisgar por elas e seguir o percurso que Lacan faz no escrito de Freud, nesse momento.

Esse é o convite do Seminário de Leitura de Freud – deter-se nos trechos a que Lacan faz referência nas lições do “De um discurso…”. Essas referências não são meramente ilustrativas, elas funcionam mais como alicerces da teoria que está sendo desenvolvida em 1971.

O primeiro apontamento a ser seguido em Freud diz respeito à noção de “dupla inscrição” tal como aparece no texto “O inconsciente” (1915), mas que já havia sido anunciada na carta 52 (1896) e no trabalho dos sonhos (1900).

Aguardamos os interessados, que deverão se dirigir à secretaria da Escola por meio do telefone
3281-9605

Frequência: quinzenal, às quintas-feiras.

Horário: das 20h30 às 22h

Local: plataforma Zoom com o link enviado por e-mail, aos participantes.

Datas: 11 e 25 mar., 15 e 29 abr., 13 e 27 maio, 17 jun., 1º jul.,12 e 26 ago., 9 e 23 set., 7 e 21 out., 4 e 18 nov

Coordenação
Cristina Holzinger
Daniel Martins
Leila Mariné
Ana Maria Portugal (colaboração)

Confira o Seminário de Leitura de Freud em “Atividades da Semana”